Seja um #liglover. Faça parte das nossas redes!

O biscoito da sorte, dá sorte mesmo?

19.06.2019

Saiba um pouco mais sobre essa prática milenar e deixe a sorte jogar a seu favor

Compartilhar


Saiba um pouco mais sobre essa prática milenar e deixe a sorte jogar a seu favor

Para o americano, Charles Jackson Jr, os números de um biscoito da sorte foram decisivos e ajudaram a mudar a vida dele. Aposentado, ele usou os números que vieram no biscoito da sorte para jogar na loteria e acertou todos os números, levando para casa um prêmio que equivale a cerca de R$ 1,33 bilhão. O biscoito foi um presente da netinha e rendeu o maior prêmio já pago na Carolina do Norte, nos Estados Unidos.

Curiosidades sobre os biscoitos da sorte

O hábito de trocar biscoitinhos com mensagens de boa sorte e felicitações, surgiu na China do século 13. Para quem não conhece, os biscoitos da sorte vêm com um papelzinho dentro, que de um lado traz um pensamento e do outro uma combinação numérica. Este papelzinho é inserido na massa quando ela está quase totalmente assada e uma máquina fecha o biscoito no formato característico de meia-lua.

Para gerar os números, que vem separados em dezenas, usa-se combinações aleatórias manuais ou um programa semelhante ao das lotéricas. Boa parte das mensagens é traduzida de frases americanas, mas a maioria vem mesmo do I-Ching, um livro/oráculo oriental com mensagens simbólicas.

Desenvolvido por: